sábado, 23 de janeiro de 2010

Os 20 melhores livros de viagem do século passado pelo The Times

.

Ilustração: Blexbolex



São inúmeras as obras da literatura odepórica que inspiraram várias gerações a viajar e a escrever sobre viagens. O jornal britânico The Times publicou uma lista dos 20 melhores livros de viagem do século vinte. Listas, na maioria das vezes, são referências dotadas de grande subjetividade, mas no geral nunca resistimos a dar uma conferida, sempre na expectativa de encontrar nossas próprias preferências inclusas na listagem.

Os livros selecionados abaixo são recomendações de diversos escritores, entre eles Victoria Hislop (“A Ilha”), Colin Thubron (“The Last Heart of Asia; “Shadow of the Silk Road”), Alexander McCall Smith (“Amigos, Amantes, Chocolate”; “O Clube Filosófico Dominical”) e Douglas Kennedy (“O Fotógrafo”; In God’s Country”), além de jornalistas do The Times. Algumas das indicações também vieram de listagens semelhantes feitas por escritores e até mesmo retiradas do twitter.

É apenas uma lista, e o autor do artigo assume que tem plena consciência da ausência de nomes de peso, como o de Jack Kerouac; para ele, o leitor pode pensar que muitas dessas obras são de fato romances históricos, mas se fosse assim teriam sido incluídas as obras de Orwell, Hemingway e Steinbeck. Os livros dessa lista são puramente relatos de viagem que inspiraram gerações futuras – ou ao menos as fizeram encontrar o seu próprio caminho.

Até onde consegui verificar, apenas cinco dessas vinte obras foram editadas aqui. Nenhum autor brasileiro, nem mesmo latino, aparece na lista, mas em compensação quatro delas tratam de viagens pela América do Sul – uma das quais retratando exclusivamente o Brasil.

As obras eleitas abarcam, como se pode supor, várias regiões do planeta. É interessante notar que nenhuma das viagens contempla a América do Norte. Por curiosidade, fui checar os destinos que mais apareceram e cheguei ao seguinte resultado:

Europa: 5 relatos
América do Sul: 4 relatos
Oriente Médio: 3 relatos
Ásia: 3 relatos
África: 2 relatos
Oceania: 1 relato
Volta ao mundo: 1 relato
Outros: 1 relato

Nesse “outros” coloquei a obra do filósofo best-seller Alain de Botton, The art of travel, lançada no Brasil como “A arte de viajar”, que é um ensaio maravilhoso, mas que não se enquadra numa listagem como essa (postarei em breve um texto sobre essa obra).

Vamos à lista? As obras já publicadas no Brasil aparecem com seu título em português. Confira:

20) Full Tilt: Ireland to Índia with a bicycle, by dervla Murphy (1965)

19) A arte de viajar, by Alan de Botton (2002)

















18) A Dragon Apparent: travels in Indo-China, by Norman Lewis (1951)

17) The Granite Island, by Dorothy Carrington (1971)

16) Cut Stones and Crossroads- a journey in Peru, by Ronald Wright

15) Notes from a Small Island, by Bill Bryson (1995)

14) The Silk Road: beyond the celestial kingdom, by Colin Thubron (1989)

13) Love and War in the Apenines, by Eric Newby (1971)

12) Uma aventura no Brasil, by Peter Fleming (1934)












11) Na Patagônia, by Bruce Chatwin (1977)













10) Into the heart of Borneo, by Redmond O’Hanlon e James Fenton (1984)

9) Trieste and the meaning of Nowhere, by Jan Morris (2001)

8) Road to Oxiana, by Robert Byron (1933)

7) Mani- travel in the Southern Peloponnese, by Patrick Leigh Fermor (1958)

6) As I walked out one midsummer morning, by Laurie Lee (1969)

5) Arabia through the looking glass, by Jonathan Raban (1979)

4) O grande bazar ferroviário, by Paul theroux (1975)


















3) A pior viagem do mundo, by Apsley Cherry-Garrard (1922)















2) A winter in Arabia, by Freya Stark (1940)

1) The Danakil Diary: journeys through Abyssinia, 1930-4, by Wilfred Thesiger (1996)

Se você se interessou pelo assunto, sugiro dar uma conferida no site de onde tirei essa matéria. O mais fantástico é que cada uma das 20 obras aqui selecionadas vem com uma breve resenha e com o link direcionando para o Times Archive, com matérias originais da época em que foram publicadas no jornal. In English, of course.

Boa viagem.

Acesse a matéria original aqui.






2 comentários :

  1. Oi Paulo, ficou fácil te presentear. Deve ter meia duzia de livros nesta lista que você não tem. Acertei? Beijos, Pá

    ResponderExcluir
  2. Quem me dera! Desses 20, só tenho dois...
    Mas tenho outros tantos que ainda nem li que nem fico triste, você sabe...
    beijin, pc

    ResponderExcluir